Translate

terça-feira, 24 de julho de 2012

COMO AFINAR SEU VIOLÃO OU GUITARRA

AFINAÇÃO TRADICIONAL DO VIOLÃO OU GUITARRA

Afinar significa ajustar os intervalos sonoros existentes entre as cordas por meio de uma alteração nas frequências das mesmas. Ao tocar em conjunto, faz-se necessário um ajuste entre os instrumentos. Este ajuste é feito tendo como base uma convenção de altura. (Afinação de concerto).

A convenção universal é usar a nota LA 3 com 440 Hz, também conhecido como LA diapasão. A afinação padrão das cordas soltas estabelece a diferença de altura que deve existir entre as cordas.


Afinação Padrão

       6ª corda  E 1  82,4 Hz (Grave)
5ª corda  A 1  110 Hz        /
4ª corda  D 2  146 Hz        /
3ª corda  G 2  195 Hz        /
2ª corda  B 3  246 Hz        /
        1ª corda   E 3  329 Hz  (Agudo)

São sempre intervalos de 4ª entre as cordas vizinhas, com exceção da 3ª para a 2ª corda, que neste caso é uma 3ª.

Esta afinação possibilita uma maior facilidade na execução da maioria dos acordes e escalas do nosso cotidiano musical.

O violão ou guitarra, assim como qualquer instrumento, pode ser afinado com outros intervalos entre as cordas e com outras notas nas cordas soltas, como também fora do diapasão. O importante é manter uma estabilidade entre as frequências, estabilidade esta característica de cada sistema musical.



Métodos para afinação do violão ou guitarra


1º Método (uníssonos)
Através de uma referência, ajustam-se as seis cordas soltas uma a uma. Esta referência pode ser qualquer instrumento já afinado ou o ouvido absoluto (capacidade de distinguir a altura exata de cada nota).

2º Método (uníssonos entre as cordas)
Este método necessita de que uma corda já esteja afinada, a partir daí, pela comparação, afinam-se as outras.

Exemplo:

Sintonize a 5ª corda (A) com o diapasão (440Hz), afinando-a duas oitavas abaixo (110Hz);
Toque (D) no quinto traste da 5ª corda e sintonize a 4ª corda solta (D) na mesma altura;
Toque um (G) no quinto traste da 4ª corda e sintonize a 3ª corda solta (G) na mesma altura;
Toque um (B) no quarto traste da 3ª corda e sintonize a 2ª corda solta (B) na mesma altura;
Toque um (E) no quinto traste da 2ª corda e sintonize a 1ª corda solta (E) na mesma altura;
Toque a 1ª corda (E) e sintonize a 6ª corda (E), que fica duas oitavas abaixo.



3º Método (harmônicos naturais)
Com o auxílio do diapasão, afine a 5ª corda;
Ressalte o harmônico encontrado no 7º traste da 5ª corda e compare com o harmônico encontrado no 5º traste da 6ª corda;
Ressalte o harmônico encontrado no 5º traste da 5ª corda e compare com o harmônico do 7º traste da 4ª corda;
Ressalte o harmônico encontrado no 5º traste da 4ª corda e compare com o harmônico do 7º traste da 3ª corda; (para conferir a afinação da 3ª corda ressalte o harmônico encontrado no 12° traste da 5ª corda e compare com a nota LA na 2ª casa da 3ª corda, pois esta é a forma mais confiável de se afinar a 3ª corda);
Ressalte o harmônico encontrado no 7º traste da 6ª corda e compare com a 2ª corda solta;
Ressalte o harmônico encontrado no 5º traste da 6ª corda e compare com a 1ª corda solta.

Obs: os harmônicos são obtidos encostando o dedo sobre os trastes sem pressioná-los. Os harmônicos mais fáceis de se ressaltar são os encontrados no 12º, 9º, 7º e 5º trastes. 


4º Método ("Por quintas e oitavas")
Com o auxílio do diapasão, afine a 5ª corda e depois a compare com a 1ª corda; (quinta);
Compare a 1ª corda com a 6ª corda; (oitava);
Compare a 6ª corda com a 2ª corda; (quinta);
Compare a 6ª corda solta com a 4ª corda pressionada no 2º traste; (oitava);
Compare a 5ª corda solta com a 3ª corda pressionada no 2º traste; (oitava).

Estudar com um instrumento afinado favorece o desenvolvimento musical. Para afinar com precisão, precisamos ter um ouvido musicalmente treinado. Isto faz parte do amadurecimento musical.

DIAPASÃO

Além de ser o termo usado para indicar a convenção universal de altura das notas, diz respeito também a certos tipos de dispositivos que auxiliam o músico na hora de afinar seu instrumento.


Tipos de Diapasão

De Sopro: reproduz o som das seis cordas soltas da guitarra ou violão;
Forquilha: possui duas hastes que vibram emitindo o LA 3 (A3) com 440Hz, que é encontrado no 5º traste da 1ª corda (duas oitavas acima do LÁ da 5ª corda solta).
Eletrônico: seu visor mostra se devemos afrouxar ou apertar as cordas.






Hoje em dia já existem instrumentos que embutem em seu interior esses tipos de dispositivos, bem como a guitarra Gibson Robot que já se afina sozinha.






Click nos links abaixo para saber mais sobre a Gibson Robot Guitar.

http://www.youtube.com/watch?v=atKD-lNB27U


http://www.gibson.com/robotguitar/guitar.html




Nenhum comentário:

Postar um comentário